11 de mai de 2015

Limpeza da Alma



Canalize sua força para o Bem
Encontre em cada Flor o Amor
Perceba o toque do Vento
acariciando o seu rosto
Olhe a Natureza
Tudo que está a sua volta
sou Eu, é Você
Sinta a Energia Prana
que o Sol emana
O cheiro da Chuva na Terra
A dança Dela com o Vento
que a conduz aonde quer que Ele vá
Mergulhe nas Águas límpidas das Cachoeiras
Sinta a força que Ela quem
Veja o voo dos pássaros
ouça seu canto, sua voz
Mergulhe nas Águas salgadas do Mar
deixe as ondas cuidarem de você
Retire toda Energia estagnada
Limpe sua Alma
Abrace uma Árvore
Receba Dela toda sua força
Renove suas Energias
Encontre-se
Olhe seu rosto
Reconheça-se!
Ame-se!
Permita-se!

                                                              Sandra Amorim
http://www.sandraamorim.recantodasletras.com.br/visualizar.php?idt=3801213

Um comentário:

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Sandra
Permitir-se é ceder margem ao que nos é concedido por Deus e nós, às vezes, interrompemos...
Lindo poema!
Bjm fraterno

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...